turma da monica

Turma da Mônica – Laços

· Minhas impressões sobre o filme da tão amada, turma da Rua do Limoeiro. ·

11 de julho de 2019 0 Comments

Entrando nessa onda de filmes em live action. Uma das turminhas mais amadas do Brasil invadiu as telonas em Turma da Mônica – Laços. Esse filme é uma adaptação da Graphic Nível de mesmo nome. Apesar do original ter uma atmosfera um pouco mais sombria, a adaptação para longa metragem tem um tom mais leve e divertido, atingindo todas as idades.

Sinopse: O Floquinho desapareceu. Para encontrar seu cachorro de estimação, Cebolinha conta com os amigos Cascão, Mônica e Magali e, claro, um plano infalível.

O que eu achei?

Eu assisti o filme ontem e posso dizer que amei. Desde a fotografia, até os personagens. O diretor Daniel Rezende, se preocupou com pequenos detalhes não só da obra original, mas trazendo referências e easter eggs dos quadrinhos já conhecidos. É uma trama bem simples. Com a intenção de mostrar os personagens para um novo publico e trazer nostalgia aos mais velhos.

Leia no OMK: Fã filme do Super Choque faz sucesso no Youtube

Outra coisa que é perceptível, a união e entrosamento dos 4 personagens principais. Mantendo a identidade de cada um junto aos seus elementos conhecidos. Como o medo de água do Cascão, ou os vestidos no armário da Mônica que são exatamente iguais. 

monica

Apesar de a história mostrar a aventura dos amigos Mônica, Magali, Cebolinha e Cascão, vemos a evolução do Cebolinha. Ele se torna o foco da história não só pela trama girar em torno do sumiço de seu pet. Mas também mostra o amadurecimento do personagem que criou situações desagradáveis com os amigos por sempre querer ser o líder.
Além da direção, a fotografia e o roteiro mostram de forma sutil em algumas cenas a importância dos laços.

Easter Eggs

É possível notar vários easter eggs e pequenos detalhes pelos cenários. Então, olho vivo para encontrá-los. Além deles, os personagens secundários como o Chaveco, a Cascuda e o Quinzinho também aparecem.

Outros Personagens 

O personagem do Louco interpretado pelo Rodrigo Santoro aparece apenas para o Cebolinha como nos quadrinhos em uma cena de respiro bem legal. Os pais do quarteto nos remetem diretamente as histórias em quadrinhos. 

Me emocionei em vários momentos e chorei apenas 2 vezes. Mesmo com a sala cheia de crianças foi possível perceber o quanto essa turminha criada por Mauricio de Souza foi presente na vida dos mais velhos também. O elenco infantil é uma fofura. Por vários momentos senti vontade de apertar as bochechas deles de tão fofos que são. 

Turma da Mônica – Laços é super recomendado, tanto para crianças que vão se divertir com a aventura e com a amizade dos personagens, também para os adultos que vão ter vários momentos de nostalgia. 
Momento Stan Lee: O criador dos personagens aparece em uma cena. E é praticamente impossível não sentir que ele é um easter egg como o criador dos quadrinhos da Marvel.

Já assistiu ao filme? me conta nos comentários o que achou.

ohmykiss

LEAVE A COMMENT

RELATED POSTS